Governança Corporativa

Gestão profissional e transparência nas relações

A MOVER conta com um sistema de governança focado em absoluta integridade, desenvolvimento de novos negócios e um Código de Ética e Conduta que contempla os desafios de mercado que a companhia enfrenta no cenário atual. Some-se a isso, a preservação e evolução da capacidade técnica de gestão e execução que diferenciou a companhia ao longo dos anos. Essa premissa vale, também, para as empresas que compõem o portfólio da Holding.

Em 2014, a Construções e Comércio Camargo Corrêa (CCCC), empresa do portfólio da MOVER, viu-se envolvida nas investigações da Operação Lava Jato, relacionadas a licitações e obras do governo federal. Estabelecendo um novo paradigma de comportamento das empresas brasileiras diante de ilícitos corporativos, a CCCC constituiu um Comitê de Auditoria interno para conduzir investigações de modo independente, com apoio de experts externos. Com base nos achados dessas investigações internas, a Camargo Corrêa foi a primeira grande empresa a firmar acordos de colaboração com autoridades brasileiras, pelos quais se comprometeu a ressarcir os danos causados e ao aprimoramento de seu programa de compliance, incluindo a manutenção das investigações internas em bases permanentes. A iniciativa para detecção e revelação dos ilícitos foi premiada pela revista britânica Global Investigation  Review como “Inovação do Ano” de 2017.

Diante da realidade, é importante destacar que não houve economia nos esforços de detecção, reporte às autoridades e remediação, colaborando de forma eficaz com as investigações oficiais. Ao implementar e reforçar mecanismos de autocontenção e de incentivo à cooperação e à transparência ao Poder Público, as empresas contribuem como protagonistas dos esforços para prevenir e combater a corrupção, elevando o patamar ético das relações entre público e privado.